domingo, 22 de fevereiro de 2009

NÃO HÁ NADA MAIOR

Começo com um texto retratando para mim uma das mais profundas e realistas das formas em expressar o que pensamos, falamos, opinamos, enxergamos e principalmente o que sentimos. Disso posso dizer que não há nada maior que expressar-se de forma clara, objetiva e que acione nosso universo constante num modo complexo e realista. Não há magos, profetas, políticos, reis, governantes ou qualquer outra classe hierarquica que possa contradizer a simples forma do ato de logo existir em nosso meio: A VERDADE. Ela por sua vez é a mãe de tudo que temos, criamos e que há de mais belo de mais horrível, de mais forte de mais fraco, de mais profundo, de mais levíano, de mais hipócrita, de mais sincero; Somente com ela criamos uma identidade, uma visão, uma vida, um olhar tão qual ignorante como também um olhar tão qual sábio, com ela temos o poder de destruir e criar, temos a oportunidade de fazer e escolher, com isso eu venho a dizer Não há palavra ou sentindo maior que a VERDADE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário